Essa pagina depende do javascript para abrir, favor habilitar o javascript do seu browser! Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Sala de Imprensa > Notícias > Homenagem póstuma à grande mestra Emília Curras
Início do conteúdo da página
Quinta, 02 Julho 2020 15:03

Milton Shintaku e Luana Sales debateram gestão da informação e software livre em live do Ibict

O Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (Ibict) promoveu no dia (01/07), mais uma live QuartaàsQuatro. O tema desta edição foi “Software Livre e a Gestão da Informação Nacional”.

Nesta edição, Milton Shintaku, Coordenador da área de Articulação, Geração e Aplicação de Tecnologia do Ibict (COTEC), conversou com Luana Farias Sales, Coordenadora-Geral de Acesso e Difusão de Acervos do Arquivo Nacional e docente do Programa de Pós-graduação em Ciência da Informação do convênio IBICT-UFRJ.

“A ideia desta live foi a gente apresentar possibilidades para o pessoal que trabalha com gestão de informação. Tem muita coisa nova acontecendo e às vezes a gente não sabe da existência do software livre”, conta Luana Sales.

Em sua apresentação, Sales abordou conceitos da Gestão da Informação e de Software Livre e deu dicas sobre como ter um bom sistema informacional. “O primeiro passo da gestão da informação é compreender quem é o seu usuário, o contexto no qual você está inserido e tentar minimizar o tempo e o custo que esse usuário vai ter para acessar a informação exata que ele deseja”, diz a bibliotecária.

Milton Shintaku aprofundou as diversas dimensões do software livre e contou um pouco sobre o trabalho do Ibict com essas tecnologias. Atualmente o instituto oferece apoio técnico e capacitação na implementação de projetos em software livre para a gestão do conhecimento. “A gente vem trabalhando há muito tempo com a questão de tecnologia para a gestão da informação. Geralmente sempre utilizamos software livre, o que tem nos dado um bom resultado”, ressalta o coordenador da COTEC.   

O especialista citou exemplos de software livre e suas possibilidades de uso como o Koha (bibliotecas), Fólio (bibliotecas), Omeka (repositórios museológicos), CKAN (dados abertos), TemaTres (vocabulários controlados), OJS (periódicos científicos), DSpace (repositórios bibliográficos), entre outros.  

Outro ponto abordado na live foi a relação dos profissionais da gestão da informação com os profissionais e a área de informática. “Eu venho defendendo o trabalho do bibliotecário na elaboração do projeto, especialmente bibliotecas universitárias que podem dar o apoio na pesquisa”, diz Sales. Shintaku também ressaltou a importância de o bibliotecário trabalhar com dados e a informação em ambientes digitais. “A biblioteca tem que entrar no fluxo informacional da instituição”.

A QuartaàsQuatro é uma série de conversas com especialistas promovida pelo Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (Ibict), unidade de pesquisa do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI).

A live está disponível na íntegra no canal do Youtube do Ibict. Clique aqui para assistir.

 

Carolina Cunha

Núcleo de Comunicação Social do Ibict

Última modificação em Domingo, 05 Julho 2020 10:09
Fim do conteúdo da página